4º DEBATE SOBRE O DRAMA DOS REFUGIADOS

SÁBADO 22 de Outubro, 16H, Rua de Santa Catarina, 730 – 2º andar, PORTO: 
CONVITE ABERTO a TODOS para 3º DEBATE sobre o DRAMA dos REFUGIADOS:

Caros Amigos e Amigas da Amnistia Internacional.



O drama da guerra na Síria e da guerra no Iraque continua, todos os dias, a “produzir” milhares de refugiados. Todos os dias estão em movimento milhares de refugiados que procuram atravessar o Mediterrâneo e o mar Egeu rumo à Europa. Quase todos os dias morrem refugiados que procuram a Europa como local de acolhimento para fugirem da guerra, do sofrimentos e da morte na guerra. Mas os governos europeus continuam a não encarar de frente este problema deixando que estas pessoas continuem em grande sofrimento e sem condições de vida dignas; sujeitas a maus tratos, à fome, à doença, etc.

Os governos europeus não cumprem as suas obrigações éticas e colocam-se na ilegalidade ao não cumprirem o direito internacional relativo aos refugiados.

Especialmente as crianças devem merecer a maior atenção e serem protegidas das péssimas condições de vida a que são sujeitas, ter acesso à educação, etc.



Todos reconhecem que este assunto é complexo e de solução difícil e por isso ter uma boa opinião implica que cada um de nós tenha acesso a boa informação.



Assim o Grupo do Porto na Amnistia Internacional Portugal vai promover uma sessão debate sobre refugiados com a participação de Pedro Pedrosa, membro da Amnistia Internacional Portugal e Coordenador do Cogrupos sobre os Direitos das Crianças da Amnistia Internacional Portugal. Pedro Pedrosa esteve recentemente no mar Egeu a ajudar refugiados a chegarem à Europa (Grécia) como voluntário da Organização Não Governamental ERCI Emergêncy Response International; regressou há dias a 17 de Outubro. Ele traz informação muito atual e vivida junto dos refugiados.



Solicitamos que divulgue esta iniciativa nas redes sociais e tirem uma impressão do cartas e o coloquem no seu café, no seu local de trabalho, nas faculdades, etc..
Cumprimentos,
Manuel Cunha - Coordenador do Grupo Local 6 da AI

Sem comentários: